quarta-feira, 10 de maio de 2017

Amizades... Tóxicas?!Obsessivas?! Não quero, obrigada!!

Já todos nós ouvimos falar de relacionamentos amorosos tóxicos ou obsessivos, mas, e quando isso vem da parte de uns amigos?
Infelizmente já passei por isso,e não peço nem ao meu inimigo o que nós passámos, eu e o meu noivo.
Tanto eu como ele gostamos de ter o nosso espaço, e gostamos imenso de ao Domingo ficar por casa ver as nossas séries, filmes, etc, nem que seja a fazer nada, gostamos imenso de ter um dia em que estamos em casa e ponto.porém esses "amigos", não aceitavam isso...
Eles são pessoas mais velhas que nós, aliás têm uma filha um ano mais nova que eu(Tenho 27 ans), mas começámos a falar pois o meu noivo já os "conhecia", mas era aquele conhecer de falar num jantar ou assim, visto que tínhamos amigos em comum, e depois cada um ia para sua casa, até que começámos a sair com toda a malta e combinar férias etc... Corria tudo bem não fossem eles começarem a falar mal de tudo e de todos, da família deles disto e daquilo e mais bedeca para aqui bedeca para ali e pensei que se falavam mal de todos e muitos deles eram familiares, imagino de mim, e do meu noivo, e sogros e etc.
Começámos a recuar e deixar de tantos almoços, jantares e saídas, com eles(Eles nunca aceitaram isso), e saímos algumas vezes com a filha, onde esta nos avisa para termos cuidado com o que falávamos que os pais não eram de confiar e que eles iam contar tudo a não sei quê.... Nós começámos a ter mais atenção a isso quando saiamos com eles, e depois como saiamos também com a filha e o namorado eles decidiram que iam ter ciumes, sim quem é que no seu perfeito juízo tem ciumes da filha?Já que eles tinham tantos amigos, como diziam ter, não deviam de ter e além do mais era filha...
Fizemos uma última viagem com a malta toda e foi a gota de água, nada estava bem com eles, gozavam com tudo e mais alguma coisa, atitudes de adolescentes em que estão a sair do armário e são parvinhos que dói, mas eles tinham os seus 50 anos....
Portanto depois dessa viagem cada um foi para o seu lado literalmente e deixou de haver comunicação, e o terror começou, começámos a receber ameaças,que se voltássemos a contacá-los que nos acontecia isto e aquilo, e portanto nós bloqueamos os números deles, mas por vezes lá aparecia alguma mensagem deles a ameaçar-nos disto e daquilo.
Nós cortámos as ligações, e eles mandavam mensagens a ameaçar,para mais, a essas mensagens nunca houve uma resposta da nossa parte, porque simplesmente cortámos, chegou a um ponto em que pensámos ir à policia fazer queixa, porque as ameaças eram constantes, e depois qualquer aplicação que eu instalava e que aparecia quem me tinha adicionado eles lá estavam... Foram vários os meses assim, a receber ameaças, a bloqueá-los em tudo o que era sitio.
Foram meses complicados, mas ultrapassámos e demos a volta por cima, nunca mais os vimos, nem tão pouco falámos com eles, até porque os nossos amigos em comum são nossos primos e eles ao perceberam-se do que se passava também se afastaram.
E pronto, não existe só relacionamentos amorosos obsessivos, tambe´m existem amizades.
Beijinhos.
Vanessa*

P.S, É um texto muito resumido do que passámos pois se fosse escrever tudo,ficavam com um texto para durante uns 4dias ahah ;).

Sem comentários:

Enviar um comentário