Avançar para o conteúdo principal
Todos erramos, eu já errei, às vezes erro e vou errar no futuro, porque sou humana, e porque aprendemos sempre ou quase sempre com os nossos erros.
Não sou mãe, mas um dia espero ser, sou ama,(a maioria das vezes) e tenho aprendido imenso com os meus pequeninos.
O que vou contar é para avisar mamãs e futuras mamãs a não cometerem este tipo de erros, porque como disse todos nos erramos, e mesmo já tendo alguma bagagem possivelmente vou errar quando for mãe, porque cada criança é única e especial, e porque o que um faz o outro pode não fazer...


Portanto já falei desta menina aqui, ela tem 3anos, e a cada dia que passa ela está mais esperta e entende TUDO o que lhe dizemos, é perspicaz, inteligente, quer fazer tudo sozinha(fase que ela é que sabe), e fase dos porquês.
Há duas semanas ficou doentinha, e até eu chegar a mãe ficou com ela, quando me viu, fez a festa que ela sempre faz(Gritaria, corridas para e dar um abraço e beijinho, braços no ar), a mãe saiu para trabalhar, e, passadas poucas horas, disse-lhe  que ela tinha que fazer soninho para ter energia para poder continuar a brincar, onde ela me diz que a mamã disse que vinha dali a pouco, falei com ela e disse-lhe que a mamã, vinha quando estivesse noite, afirmou que a mamã lhe tinha dito que vinha rápido, e foi sentar-se à janela(daquelas que são de cima a baixo) à espera que a mãe chegá-se.

Conclusão, não dormiu,como a mãe ia mantendo contacto comigo disse-lhe o que se estava a passar.Eles chegaram e a menina tinha energia para dar e vender, porém a seguir ao jantar começou com birras, e dormiu mal durante a noite(foi o que a mãe me contou), mas, mesmo que isso não tivesse passado, a menina não dormiu, porque eles prometeram que iam chegar dali a pouco, talvez para acalmar a menina(que raramente chora), não sei, mas isso prejudicou o sono dela, e de noite houve festa da boa.

O que quero dizer com isto é que quiseram acalmar o vosso filho façam de mil formas,mas não digam que vão chegar dali pouco onde vão chegar passadas umas 5horas.
Claro que existem crianças que não se importam muito com isso e dormem na boa, mas aquela a mãe disse-lhe que chegava dali a pouco... No dia a seguir a mãe já não lhe disse nada e ela dormiu, na boa...

With Love.
Vanessa.

Comentários

  1. É preciso ter cuidado, porque as crianças tomam sentido ao que lhes dizemos. Claro que há dias em que podem ligar menos, mas há outros em que ficam extremamente alerta. E estas tentativas de as acalmar acabam por ter o efeito contrário. E, no fundo, ficam a sentir que os pais lhes falharam

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É o que eu acho!Ela ficou super triste quando se apercebeu que realmente a mãe não vinha, como tinha prometido.

      Eliminar
  2. Pois... não foi lá grande ideia.
    Mentir não costuma ser a melhor solução...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo contigo!Até porque, e como diz a Andreia, elas sentem que os pais lhe falharam...Mas pronto o mal ficou feito, pode ser que não repitam.:).

      Eliminar
  3. Ola minha linda. Eu nao titwi nenhum curso de cabeleireira apesar de esse aer o meu sonho. O que sei foi pela prática. Quanto a tua pergunta acho que e sempre possivel voltares a tua cor natural. Difícil era se o tivesses preto e quisesses aclarar. Mas se esta claro é facil escurecer . Tens de twr em conta e que como tens descoloração a tinta nessas partes vai saindo mais facilmente.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

28 factos sobre mim|| Comemoração dos 28 anos

Ora aqui a pessoa faz 28 anos e para "comemorar" vou deixar 28 factos que vocês não sabem sobre mim:

1- Antes dos meus 20 anos odiava café, hoje em dia amo, e não passo um dia sem beber.
2-Ainda na onda dos líquidos, não suporto leite quente, seja o sabor ou o cheiro, dá-me vómitos.
Ps:Hoje em dia não bebo mais leite de origem animal, mas mesmo os de origem vegetal não consigo beber quente.
3-Prefiro 7up a coca-cola :P.
4-Sou louca por chocolates.
5-Adoro comer.
6-Como cortei nas carnes vermelhas, dou por mim a inventar receitas com vegetais,quem sabe se um dia não crie uma rúbrica "cozinhem com a Vanessa" ;).
7-Dos meus 3 meses até aos 5 anos estive num colégio de freiras porém...
8-Não sou católica, mas tenho a minha fé.
9-Adoro tirar fotografias e "tratar" das mesmas.
10-Ouço músicas com mais de 20 anos , sou uma antiga eu sei :P.
11-Quando ouço uma música (especialmente as músicas do momento)de que goste, é ouvir até enjoar.
12-Durante 15 anos roí as …

Ao futuro

Não sei como começar o texto, afinal ainda é um assunto muito recente, e possivelmente vai trazer muitas dúvidas, confusões, e só quero que haja respeito e que cada pessoa é livre de fazer o que quiser, seja qual for o seu propósito no mundo.

Desde que nasci que sempre comi carne, muita carne, adorava carne-não quer dizer que não goste-mas toda a minha alimentação era à base de carne, peixe também mas a questão aqui é mesmo a carne.e, por isso sempre foi muito costume meu, comer carne quase todos os dias, porco, borrego, vaca, frango e perú, estavam sempre juntos com batatas, arroz, feijão brócolos etc. Porém havia uma carne que eu não conseguia comer,e ainda hoje não como de todo, é carne de coelho a dita carne branca, a famosa carne de coelho que sabe bem numa feijoada, mas eu, Vanessa Pereira, não era capaz de comer mas as outras carnes eu comia e porquê?Porque enquanto eu muitas das vezes  tinha coelhos, lebres em casa para criar (e soltar na floresta)eu não tinha os ditos porquin…

Anonimato ou público?!

São tantas as tantas as vezes que me questiono acerca deste assunto.Sinceramente já pensei em fazer uma apresentação sobre a minha pessoa neste cantinho, porque a verdade é que aos poucos me vou dando a conhecer, e constato que esse tipo de textos são os mais lido por vocês, por outro lado e apesar de escrever aqui sobre mim, sou apenas mais uma pessoa que escreve, "aparentemente" vocês não sabem quem eu sou, quer dizer, existem muitas meninas desta família, do qual sigo no instagram e se forem mais atentas sabem quem eu sou, mas é isso ponto.
Às vezes penso em colocar o link do blogue no instagram, para que as pessoas que me possam encontrar saberem que sou a dona deste cantinho, mas também tenho família adicionada por lá, e, este cantinho é o meu desabafo(acho que me entendem), e apesar do meu marido e irmã saberem que ele existe, mais ninguém sabe, e fico sempre na dúvida sim ou não?Não quero para já estar a fazer um instagram para o blogue até porque acho que funcionará …