Avançar para o conteúdo principal
Todos erramos, eu já errei, às vezes erro e vou errar no futuro, porque sou humana, e porque aprendemos sempre ou quase sempre com os nossos erros.
Não sou mãe, mas um dia espero ser, sou ama,(a maioria das vezes) e tenho aprendido imenso com os meus pequeninos.
O que vou contar é para avisar mamãs e futuras mamãs a não cometerem este tipo de erros, porque como disse todos nos erramos, e mesmo já tendo alguma bagagem possivelmente vou errar quando for mãe, porque cada criança é única e especial, e porque o que um faz o outro pode não fazer...


Portanto já falei desta menina aqui, ela tem 3anos, e a cada dia que passa ela está mais esperta e entende TUDO o que lhe dizemos, é perspicaz, inteligente, quer fazer tudo sozinha(fase que ela é que sabe), e fase dos porquês.
Há duas semanas ficou doentinha, e até eu chegar a mãe ficou com ela, quando me viu, fez a festa que ela sempre faz(Gritaria, corridas para e dar um abraço e beijinho, braços no ar), a mãe saiu para trabalhar, e, passadas poucas horas, disse-lhe  que ela tinha que fazer soninho para ter energia para poder continuar a brincar, onde ela me diz que a mamã disse que vinha dali a pouco, falei com ela e disse-lhe que a mamã, vinha quando estivesse noite, afirmou que a mamã lhe tinha dito que vinha rápido, e foi sentar-se à janela(daquelas que são de cima a baixo) à espera que a mãe chegá-se.

Conclusão, não dormiu,como a mãe ia mantendo contacto comigo disse-lhe o que se estava a passar.Eles chegaram e a menina tinha energia para dar e vender, porém a seguir ao jantar começou com birras, e dormiu mal durante a noite(foi o que a mãe me contou), mas, mesmo que isso não tivesse passado, a menina não dormiu, porque eles prometeram que iam chegar dali a pouco, talvez para acalmar a menina(que raramente chora), não sei, mas isso prejudicou o sono dela, e de noite houve festa da boa.

O que quero dizer com isto é que quiseram acalmar o vosso filho façam de mil formas,mas não digam que vão chegar dali pouco onde vão chegar passadas umas 5horas.
Claro que existem crianças que não se importam muito com isso e dormem na boa, mas aquela a mãe disse-lhe que chegava dali a pouco... No dia a seguir a mãe já não lhe disse nada e ela dormiu, na boa...

With Love.
Vanessa.

Comentários

  1. É preciso ter cuidado, porque as crianças tomam sentido ao que lhes dizemos. Claro que há dias em que podem ligar menos, mas há outros em que ficam extremamente alerta. E estas tentativas de as acalmar acabam por ter o efeito contrário. E, no fundo, ficam a sentir que os pais lhes falharam

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É o que eu acho!Ela ficou super triste quando se apercebeu que realmente a mãe não vinha, como tinha prometido.

      Eliminar
  2. Pois... não foi lá grande ideia.
    Mentir não costuma ser a melhor solução...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo contigo!Até porque, e como diz a Andreia, elas sentem que os pais lhe falharam...Mas pronto o mal ficou feito, pode ser que não repitam.:).

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Bom Fim-de-semana :)*

28 factos sobre mim|| Comemoração dos 28 anos

Ora aqui a pessoa faz 28 anos e para "comemorar" vou deixar 28 factos que vocês não sabem sobre mim:

1- Antes dos meus 20 anos odiava café, hoje em dia amo, e não passo um dia sem beber.
2-Ainda na onda dos líquidos, não suporto leite quente, seja o sabor ou o cheiro, dá-me vómitos.
Ps:Hoje em dia não bebo mais leite de origem animal, mas mesmo os de origem vegetal não consigo beber quente.
3-Prefiro 7up a coca-cola :P.
4-Sou louca por chocolates.
5-Adoro comer.
6-Como cortei nas carnes vermelhas, dou por mim a inventar receitas com vegetais,quem sabe se um dia não crie uma rúbrica "cozinhem com a Vanessa" ;).
7-Dos meus 3 meses até aos 5 anos estive num colégio de freiras porém...
8-Não sou católica, mas tenho a minha fé.
9-Adoro tirar fotografias e "tratar" das mesmas.
10-Ouço músicas com mais de 20 anos , sou uma antiga eu sei :P.
11-Quando ouço uma música (especialmente as músicas do momento)de que goste, é ouvir até enjoar.
12-Durante 15 anos roí as …

Ao futuro

Não sei como começar o texto, afinal ainda é um assunto muito recente, e possivelmente vai trazer muitas dúvidas, confusões, e só quero que haja respeito e que cada pessoa é livre de fazer o que quiser, seja qual for o seu propósito no mundo.

Desde que nasci que sempre comi carne, muita carne, adorava carne-não quer dizer que não goste-mas toda a minha alimentação era à base de carne, peixe também mas a questão aqui é mesmo a carne.e, por isso sempre foi muito costume meu, comer carne quase todos os dias, porco, borrego, vaca, frango e perú, estavam sempre juntos com batatas, arroz, feijão brócolos etc. Porém havia uma carne que eu não conseguia comer,e ainda hoje não como de todo, é carne de coelho a dita carne branca, a famosa carne de coelho que sabe bem numa feijoada, mas eu, Vanessa Pereira, não era capaz de comer mas as outras carnes eu comia e porquê?Porque enquanto eu muitas das vezes  tinha coelhos, lebres em casa para criar (e soltar na floresta)eu não tinha os ditos porquin…