Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

Hoje em dia são mais as vezes que ouvimos dizer "Eu quero isto" do que agradecer.
Agradecer por temos saúde, por termos uma refeição decente na mesa, por se ter uma casa, e não termos problemas de maior.
Não sou religiosa. E não sou dada a orações(mesmo andado num colégio de freiras dos meus três meses até aos seis anos e tudo se enrolava em volta da religião), sou a "ovelha negra" da família, porque nem baptizada sou!Mas agradeço!Agradeço o facto de ter um trabalho, de conseguir ter uma vida digamos boa, esforço-me para alcançar o que quero, e quando consigo agradeço, mas o mérito também é meu!Porque se eu não quisesse que aquilo acontecesse, e não me esforçá-se aquilo não ia dar em nada.
Todos os dias agradeço à mina estrelinha(Avózinha M.), por me abençoar, e por me guiar.
Tenho uma fé só minha , difícil de explicar, afinal ela é só minha.

Tertúlia no autocarro

Existem autocarros em que tu entras e não se passa nada, e depois existem autocarros (os que eu apanho) em que realmente se passa de tudo um pouco e uma pessoa fica wtf?!
Numa das paragens entram mãe e filha a berrar uma com a outra, e não entendi o que se passava nessa altura pois estava a ouvir música, mas por azar ou não, fiquei sem bateria e pronto lá tive que parar de ouvir a música, e os meus ouvidos focaram-se naquela belíssima conversa que estávamos a ouvir:

Filha:Oh mãe tens que me comprar o vestido para o baile de finalistas.
Mãe:Só vais ao baile se passares, tiveste quatro negativas és uma vergonha.
Filha:Mas mãe, o baile é entre os exames (e esta sorri com cara de gozo para a mãe).
Mãe:Não me interessa vou tentar perceber com a tua DT se vais passar ou não,e ai de ti que não passes burra, e se não passares bem podes ficar a saber que vais trabalhar.
Filha: (a rir a descarada) Olha sempre podes ir fazer espectáculo na escola, a X, o ano passado tinha negativas e a mãe foi à escol…

Sobre o Fim-De-Semana... Sou Tetra!

Foi só memorável.Mesmo não sendo religiosa a visita do Pápa Francisco arrepiou-me e toda a comunidade que se  moveu para o ir ver, e depois o Meu Benfica foi Tetra, o nosso Salvador ganhou a eurovisão e no Domingo tive os anos da sobrinha C. Foi só comemorar.

Sou Tetra!Oito anos de Lisboa, 5anos de campeã e não podia estar mais feliz!Foram 4anos em que não podia comemorar porque no dia a seguir tinha que ir trabalhar, mas, este ano consegui festejar o treta.E foi lindo!Magnifico! Existem fotos para me recordar do momento.
1904 1904 lá lá lá lá lá :).

E mais tarde foi amar pelos dois, e torcer como nunca tinha torcido num festival da eurovisão e aquela música.. Meus senhores aquela música é inexplicável(sempre soube que íamos ficar num bom lugar).

Domingo soube a pouco,queria mais, estar com todos os que amamos sabe sempre a pouco.

Beijinhos.

Vanessa*

Amizades... Tóxicas?!Obsessivas?! Não quero, obrigada!!

Já todos nós ouvimos falar de relacionamentos amorosos tóxicos ou obsessivos, mas, e quando isso vem da parte de uns amigos?
Infelizmente já passei por isso,e não peço nem ao meu inimigo o que nós passámos, eu e o meu noivo.
Tanto eu como ele gostamos de ter o nosso espaço, e gostamos imenso de ao Domingo ficar por casa ver as nossas séries, filmes, etc, nem que seja a fazer nada, gostamos imenso de ter um dia em que estamos em casa e ponto.porém esses "amigos", não aceitavam isso...
Eles são pessoas mais velhas que nós, aliás têm uma filha um ano mais nova que eu(Tenho 27 ans), mas começámos a falar pois o meu noivo já os "conhecia", mas era aquele conhecer de falar num jantar ou assim, visto que tínhamos amigos em comum, e depois cada um ia para sua casa, até que começámos a sair com toda a malta e combinar férias etc... Corria tudo bem não fossem eles começarem a falar mal de tudo e de todos, da família deles disto e daquilo e mais bedeca para aqui bedeca para a…

"O que vão dar como lembrança?"

Tal como os convites, sempre achei que as lembranças ficam a um canto, é verdade, nós gastamos dinheiro e no fim  tudo aquilo vai para um canto e depois para um caixote do lixo.
Logo no inicio do Noivado pensei em dar sim uma lembrancinha amorosa, mas depois comecei a ver preços e a verdade seja dita não me encantava, e sei lá parecia que aquilo não era realmente para nós, não era aquilo que queria, que me preenchia... E deu-me o clique de se fazer uma doação e o noivinho adorou a ideia. Vi várias instituições e organizações, mas o Nariz Vermelho ficou a escolhida, todas merecem, mas como adoro crianças aquela ficou-me na memória.
Desde aí já me perguntaram o que íamos dar e quando eu falo em que vamos fazer uma doação, as pessoas ficam caladas ou dizem que é giro....

Ajudar quem precisa para mim tem mais valor, do que dar um simples pote com mel ou doce, para ficar num canto a apanhar pó, ou ir para o lixo, pois são raras as pessoas que o comem "porque foi lembrança de X", e d…